Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Inês3D

Inês3D nasce da necessidade de escrever, de partilhar momentos, emoções, dicas, pensamentos... acerca de mim, da minha família e daquilo que considero relevante os outros saberem. Sem nunca ser demais, sem ser de menos...

Inês3D

Inês3D nasce da necessidade de escrever, de partilhar momentos, emoções, dicas, pensamentos... acerca de mim, da minha família e daquilo que considero relevante os outros saberem. Sem nunca ser demais, sem ser de menos...

21
Set16

Nunca é tarde para recordar - Singapura

Faz hoje dois anos que estávamos a embarcar para a nossa lua de mel. A viagem foi organizada a quatro mãos: nós dois, a Madrinha Xana e a I Go Travel (A nossa querida Andreia Augusto).

O destino escolhido foi a Ásia. Pela distância, por irmos em lua de mel, pelo número de dias, pelo exotismo, por tudo e por nada.

O destino para os primeiros dias foi Singapura. Durante quatro dias, corremos a cidade de um lado ao outro, fomos a todos os must see, dormimos & desfrutámos à grande de um dia e uma noite no Marina Bay Sands. Este hotel é mesmo de outro mundo. A arquitetura, o serviço, a infinity pool no roof top, o Kudeta (trendy spot bar), a localização, a vista, os quartos, os empregados, a comida... foi tudo perfeito. E aconselho, mesmo, a quem for a Singapura a pernoitar nem que seja uma noite (como nós) neste hotel inesquecível. Vale mesmo a pena.

8FB822C3-BFC1-48BC-B33B-8B59BD798679.JPG

As restantes noites ficámos noutro hotel, de 4 estrelas, não tão central, mas bastante razoável - o Copthrone Kings.

Must go places in Sinagpore (e nós fomos):

- Marina Bay - desde o hotel, a marina em si, tirar foto no "Merlion" o centro comercial e casino (em frente ao hotel) com um passadiço muito giro com imensas lojas (muito boas), muito bem frequentado e tem um vista linda para a cidade.

- Clarke Quay - para passear a pé e de barco. Tem oferta de restaurantes e bares para almoçar e jantar. Vale a pena fazer o passeio de barco para ver e sentir Singapura noutra perspectiva.

- Gardens by the Bay - parque fantástico onde é possível ver, cheirar, tocar e sentir mais de 10000000 espécies de plantas e flores. Tem um estrutura de metal que é iluminada à noite e a mim só me fazia lembrar o cenário do filme "Avatar". É imperdível! Fica em frente ao Hotel Marina Bay Sands.

- Ir jantar a Chinatown e misturar-se com a comunidade, comer nas bancas de street food, entrar nas lojas de corredores compridos e intrigantes, ouvir, conversar e tirar muitas fotos.

- Little India - outro local para ir jantar, tem imensa oferta e conseguimos comer num restaurante que não era demasiado spicy. Muito interessante de ver esta comunidade inserida numa cidade tão cosmopolita e com os seus arranha céus estontantes. Aqui entra-se na comunidade Indiana presente na cidade, muito colorida, super aromática, de fato parece que estamos na India sem estarmos. Não perder o Mustaffa Center pelo sortido de compras que se fazem - aberto durante o dia e noite.

- Sentosa - é uma ilha com praia artificial, que tem o Universal Studios, Golf, Shopping e oferece imensas atracções para crianças e graúdos. Não amei mas vale a pena ir ver. Fomos de metro até lá e para chegar à ilha apanhámos o comboio turistico.

Singapura é uma cidade do outro mundo. Muito diversa em termos de raças, culturas e muito inclusiva, moderna e cosmopolita, perfeita para quem pode ir fazer compras (Lojas de luxo é mato), Falam inglês e sabem receber. Sabem que os turistas são muito importantes.

É a cidade menos asiática na Ásia (foi o que me disseram) que não lhe tira graça mas dá-lhe um charme único e exclusivo. Amei, Adorei e recomendo vivamente. 

Aqui ficam algumas fotos...

Singapura, oficialmente República de Singapura, é uma cidade-Estado insular localizada na ponta sul da Península Malaia, no Sudeste Asiático, 137 quilômetros ao norte do equador.

Moeda: Dólar de Singapura
Continente: Ásia
População: 5,399 milhões (2013) Banco Mundial
Línguas oficiais: Língua inglesa, Língua tâmil, Língua malaia, Mandarim padrão

1 comentário

Comentar post